… home is where the heart is.

Hoje o meu despertador foi o barulho de uma moto serra a cortar o esqueleto da palmeira em frente à janela do meu quarto que estoicamente,  apesar das seculares raízes já mortas, teimava em não desmoronar. foi das que teve o azar de ser brindada pelo tal escaravelho como se de uma fava da morte anunciada se tratasse. confesso que  não senti pena da dita, como senti há um ano atrás ao vê-la morrer,  mas hoje doí me a alma ao ver um bando de dezenas de pombas que mais parecem agora um bando de baratas tontas sem norte  instaladas no telhado em frente ao ex ninho e que heroicamente, como se de um manifesto se tratasse, teimam em não arredar asa… e só me apetece abrir a janela e mandar um pombo correio dizer-lhes… que por vezes temos mesmo que  levantar voo e partir  e (re)construir  tudo de novo … sem  termos tempo de tomar balanço!  (RJ)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s