… estás sozinha? Não estou COMIGO.

… “nenhuma PESSOA é lugar de repouso”…esta é uma frase de que gosto porque me faz pensar…e fez-me ter vontade de escrever sobre PESSOAS assim em geral ninguém em particular… escrever sobre os diversos tipos de PESSOA que toda a gente tem,teve,terá ou nunca irá ter na sua VIDA.
…sei que gosto de PESSOAS assim em GERAL…de chegar à sua essência…de as ver à transparência…sem máscaras. …sei que gosto de pessoas assim também em CONCRETO…de chegar à sua INTEGRIDADE…de conquistar um “espaço” nelas e que conquistem um “espaço” em mim.
”Existem pessoas que por serem como são não cabem na nossa cabeça…então depositam-se no coração onde dispõem de um lugar cativo o que as torna INESQUECIVEIS”…
…há pessoas que nos fazem sentir os pés na terra e ao mesmo tempo nos criam asas para voar…SEMPRE mais ALÉM…essas fazem-nos SER quem SOMOS ganhando o direito da nossa PARTILHA SEGURA.
…há pessoas que nos transcendem…outras que nos fazem transbordar…que nos deixam vazios…há outras que não nos acrescentam nada, outras que nos completam.
…há pessoas que fazem o nosso coração bater mais depressa…que nos despertam todos os sentidos..acordam as “borboletas” no estomago sem a nossa autorização…outras que a sua ausencia ou presença nos é completamente indiferentes..há umas que nos deixam geladas…outras que nos aquecem até à ALMA.
…há pessoas estranhas…e pessoas que nos estranham…há pessoas que mal as acabamos de conhecer parece que nos conhecemos desde sempre como há pessoas que nos conhecem há anos e parecemos completos estranhos.
…há pessoas que nos acalmam só de ouvirmos a sua voz ou sentirmos o seu cheiro…que nos conseguem abraçar por dentro mesmo quando não estão presentes ou em silêncio…e nos confortam… há outras que nos tiram do sério outras que nos levam a sério outras não…e há umas que só dá mesmo para levar a brincar.
…há pessoas que nos desorientam, mesmo quando temos as nossas coordenadas definidas para a nossa rota…outras que são como pontes e nos levam à outra margem quando por alguma razão não o conseguimos fazer sozinhos…ainda há outras que são como farois…porque nos iluminam e nos mostram o caminho a seguir quando por vezes só vemos escuridão…ou não conseguimos tirar os “oculos escuros”.
…há pessoas que não é preciso vê-las para as sentirmos…a sua presença é sentida mesmo na ausencia…como há pessoas que vemos e é como se não estivessem ali.
…há pessoas que nos fazem chorar a rir…há pessoas que nos fazem rir para não chorar.
…há pessoas simples…complicadas…complexas…básicas…limitadas…outras que nos levam ao limite…há pessoas que nos fazem parar…outras que nos aceleram…ainda há as que nos fazem andar para trás…ou voltar ao inicio…mas também há as que nos tiram o folego e há as outras que nos deixam respirar ao nosso ritmo.
…há pessoas que são o nosso exemplo a seguir…há pessoas que admiramos…outras que amamos incondicionalmente mesmo não sendo perfeitas…apenas porque são quem são…há pessoas de quem gostamos…outras não…outras que nos ensinam que por vezes não basta gostar…para fazer alguém feliz e ser-se feliz também…há pessoas que nos conhecem tão bem que conseguimos comunicar com elas só com o olhar…outras que as conhecemos tão bem ao ponto de as conseguirmos prever…e ainda há as outras que ainda nos conseguem surpreender.
…há pessoas que nos aparecem na hora certa outras na altura errada…outras que qualquer hora ou altura é boa para aparecerem porque são e serão sempre bem vindas.
…há pessoas que no meio de uma multidão nos passam completamente despercebidas como há outras que no meio de uma multidão apenas as vemos a elas…e a sua presença faz toda a diferença…há outras que de tanto as vermos nos “cansam”…como há outras que de tanto se cruzarem connosco nos sitios mais incriveis nos despertam alguma curiosidade.
…”nenhuma pessoa é lugar de repouso”…
…há pessoas que só estão bem sozinhas…outras que têm os seus momentos de solidão…mas há umas que temem a solidão…que só conseguem ser quem são com um outro ao lado, sem se aperceberem que “repousam” no outro e se anulam…assusta-me olhar à volta e ver pessoas assim…repousadas umas nas outras…muitas vezes de costas voltadas…cada uma no seu mundo sem partilha…conscientes ou inconsciente da sua infelicidade. Mas o meu susto só me faz ser ainda mais consciente do que SOU …apesar de trazer comigo todas as pessoas que me fazem ser quem sou…EU sou a minha referência…e no meio de uma multidão completamente desconhecida onde tudo me é estranho…e me perguntam…”estás sozinha”…eu respondo em PAZ e com orgulho “Não, estou comigo”. (RJ)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

2 respostas a … estás sozinha? Não estou COMIGO.

  1. Teresa diz:

    Parabéns pela escrita, pela sensibilidade, pela autenticidade, pelo realismo e pela emotividade que desperta no leitor!
    Gostei imenso!:)

  2. Obrigada Teresa pelo comentário e por nos ler! : )

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s